Amazon lança tecnologia que promete ser um personal stylist doméstico

A Amazon, maior empresa de comércio eletrônico mundial, está investindo cada vez mais em moda. O lançamento da vez é o da assistente pessoal doméstica Echo Look.

Ao contrário da Alexia, que funciona somente por meio de comandos de voz, a nova assistente se vale de uma câmera de alta definição para registrar o que está em seu entorno. E o primeiro uso que a empresa deu para o dispositivo é o de ser um personal stylist doméstico.

Analise o look antes de sair de casa

Após fotografar e filmar todo o look do usuário, o Style Check – sistema de inteligência artificial – avalia a composição por meio de algoritmos e dicas previamente fornecidas por profissionais.

A partir da análise, o mecanismo dá nota para as roupas da pessoa e diz se um look está melhor ou pior do que o outro. Assim, é possível trocar um acessório ou um calçado, por exemplo, e saber qual das opções propicia uma imagem mais adequada ao “aos olhos da moda”.

Com a integração das informações a um aplicativo para smartphone, o aparelho permite ainda criar álbuns de fotos e compartilhar as imagens em redes sociais.

Compre peças que combinam com seu estilo

Além de avaliar as combinações feitas, a tecnologia apresenta também uma variedade de peças que podem ser adquiridas para aprimorar o visual com um simples comando de voz. Por meio de looks usados no passado ou modelos que estão circulando no mundo fashion, o Style Check apresenta uma variedade de vestidos, blusas, bolsas, calçados, joias, dentre outros itens que podem ser comprados por um simples comando de voz.

Dessa forma, a tecnologia impulsiona as vendas de roupas pela internet, nicho de mercado que vem sendo bem explorado pela varejista.

O Echo Look já está disponível no site da Amazon e custa US$ 199. Além de comprar o produto, é preciso baixar também baixar o aplicativo gratuito que já está disponível para sistemas IOS e Android.

Impactos no mercado de moda

Com os assistentes virtuais domésticos, toda a cadeia de informação de moda – e consequentemente de mercado – sofre impactos significativos. Profissionais, Instagram, Blogs, Semanas de Moda e tantos outros pontos de informação perdem voz frente à personalização da inteligência artificial.

Desta forma, quanto mais a tecnologia for alimentada com informações, mais ela será capaz de influenciar comportamentos e ditar as novas regras da moda.